Slider

Opinião

Política

Notícias

Economia

Esporte

» » » » Grupo que comemorou os ataques à caravana do ex-presidente Lula no Sul faz ameaças à advogada

Da Rede Brasil Atual - O Coletivo Advogadas e Advogados pela Democracia (CAAD) vai editar a notícia crime oferecida ao Ministério Público (MP) nesta semana contra o grupo que organizou e comemorou, via whatsapp, os ataques à caravana do ex-presidente Lula pela região Sul do País. Será incluída mais uma denúncia: a ameaça de morte a uma das advogadas do Coletivo. A entrega da representação ao MP será na segunda-feira (2).
Segundo a advogada, o grupo que promoveu os ataques, em conversas pelas redes sociais, diz que, como ela "apareceu no Jornal Nacional, da TV Globo", querem identificá-la.
"Nas conversas eles dizem que 'querem me encontrar, para me abraçar', numa clara evidência de ameaça de morte", relata a advogada, esclarecendo que o termo "merece um abraço" significa, na verdade, uma ameaça à vida.
A advogada explica que na reportagem veiculada na TV sobre a entrega da notícia crime ao MP aparece a imagem dela e de outro advogado do Coletivo. "Porém, as ameaças são direcionadas somente a mim", diz.
"Chama a atenção que esse grupo prossiga fazendo ameaças. É inadmissível que num estado democrático pessoas possam fazer esse tipo de ameaças, de atos preparatórios para o cometimento de um atentado e ficarem impunes", desabafa.
Segundo ela, os ataques são feitos por grupos de extrema direita que praticam atos fascistas e que são capazes de tudo. "Tem gente, entre eles, fortemente armada".
Esse grupo nem sabe que somos um coletivo de advogadas e advogados e que não entrei com a representação sozinha", esclarece.
O Coletivo, segundo a advogada, vai pedir as providências cabíveis ao caso porque o advogado é apenas um representante que deve ser respeitado como tal, dentro de suas prerrogativas, sem que se isso seja confundido. "Não permitiremos que isso aconteça sem tomarmos as medidas legais", finaliza.

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply