Slider

Opinião

Política

Notícias

Economia

Esporte

» » » » O advogado Kakay faz críticas ao pedido do Sérgio Moro para o Michel Temer interferi no Judiciário

Um dos mais conceituados advogados do Brasil, Antônio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, criticou o pedido de interferência feito pelo juiz Sérgio Moro a Michel Temer. (Com o 247)
Confira a íntegra das críticas do jurista:
"Ontem durante o prêmio  entregue pela Revista IstoÉ estavam presentes, dentre outras autoridades, o presidente Temer e o juiz Sergio Moro.
O juiz teve a ousadia de pedir em público a interferência do Presidente da República, do Executivo, junto ao Supremo Tribunal Federal, para impedir que no julgamento da ADC 43 a Corte mude o entendimento adotado por 6x 5 quando do julgamento da liminar.
A prevalência do principio da presunção de inocência, que tive a honra de defender no Pleno do Supremo, onde se discute a prisão em segundo grau de jurisdição  será discutida pelo Supremo agora em julgamento de mérito. Imagine se eu, como advogado que assinei e sustentei a ADC, resolva escrever um artigo pedindo a interferência do Executivo, do Presidente da República, usando o enorme poder que tem a presidência - expressão usada pelo juiz- junto ao Judiciário, junto ao Supremo Tribunal Federal.
Seria certamente acusado de tentar obstruir a Justiça, de tentar influenciar indevidamente um julgamento junto ao Poder Judiciário. Não considero errado a manifestação do juiz, que na realidade age como parte, mas se a defesa faz o mesmo seria massacrada como se estivesse fazendo uma interferência abusiva e ilegal. O princípio da paridade de armas só existe no papel."

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply