Slider

Opinião

Política

Notícias

Economia

Esporte

» » » » Assédio na Globo News gera pânico e leva jornalista ao hospital

Uma editora da Globo News teve um ataque de pânico e precisou ser levada ao hospital, na última sexta-feira (25), após passar por uma situação de extrema pressão e humilhação. O caso levou vários funcionários do canal de notícias d.vários funcionários do canal de notícias da Globo a reclamar na sala da direção contra a editora-chefe e a editora-executiva do Jornal das Dez. Nas palavras de um alto executivo do canal, foi uma peregrinação nunca vista na Globo.

Segundo profissionais da GloboNews, as duas chefes têm um histórico de trabalho sob gritos, socos na mesa, intrigas e constrangimentos. Já foram alvo de inúmeras denúncias a uma central de reclamações que zela pela aplicação do compliance (conjunto de normas internas) da emissora. A jornalista que antecedeu a profissional que passou mal na sexta-feira pediu demissão há apenas dois meses. Não aguentou o assédio. Mas as duas chefes do Jornal das Dez nunca foram punidas porque uma delas é filha de um importante jornalista e amiga da diretora de jornalismo da Globo, Silvia Faria.

A profissional que foi levada ao hospital estava no Jornal das Dez havia pouco mais de um mês. Deixou casa e família em Brasília para trabalhar no Rio de Janeiro. Apesar do apelo dos colegas, a única medida tomada pela direção da GloboNews foi transferi-la para outro telejornal, o Jornal GloboNews - Edição das 18h.

A editora passou mal após passar por uma situação constrangedora no corredor do canal de notícias. A editora-executiva, que tem o amparo da editora-chefe, deu um soco em um quadro de avisos e questionou a competência profissional subordinada. (Com o Notícias da TV)

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

1 comentários:

  1. SERIO? NOSSA TO TÃO PREOCUPADO SE UM DOS LACAIOS DA GLOBOLIXO PASSOU MAL!! BEM FEITO, QUEM MANDA SE VENDER PRO DEMÔNIO MIDIÁTICO!!

    ResponderExcluir