Slider

Opinião

Política

Notícias

Economia

Esporte

» » » » » Segundo Renato Rovai, blog da extrema direita diz que o Sérgio Moro não tem provas contra o Lula

Por Renato Rovai

Antes que o excelentíssimo juiz Sérgio Moro me processe por um equívoco na compreensão do título, como fez com o blogueiro Eduardo Guimarães, que escreveu no twitter que seus leitores iriam perder o trabalho e até a vida, mas Moro entendeu que isso se referia a ele, esclareço.
Doutor Moro, quando digo blogue do Moro ali no título, minha intenção é dizer que se trata do seu instrumento preferido na internet. Aquele lugar por onde suas notas são publicadas (vazadas?) primeiro. Não quero dizer que o senhor é o proprietário, aquele que assina ou responde pelo blogue inteiro.
Aliás, se necessito ser mais direto, serei. Ontem o senhor mandou dizer à jornalista Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo, que não tinha nada a declarar sobre a condução coercitiva do Eduardo Guimarães. Quando li a resposta me lembrei dos presidentes generais, que usavam essa frase como um mantra: “nada a declarar”. Jô Soares, inclusive, fez uso dela pra imortalizar um dos seus tantos personagens.
Mas eis que o nada declarar não durou muitos minutos, porque a sua nota explicando o caso surgiu logo depois no Antagonista. O senhor dizia que o blogue da Cidadania, do Edu, não era jornalístico. E aí nega informação a Mônica Bergamo e à Folha e oferece-a em primeira mão ao Antagonista. Que só faz anti-jornalismo.
Aliás, foi nessa nota que descobri a verdadeira identidade do nosso Edu, porque o senhor o chamou pelo nome completo, Carlos Eduardo Cairo Guimarães. E a partir de agora, para não dar bandeira, vou passar a chamá-lo apenas de Carlos Cairo. Quem sabe assim o senhor passa a ver nele alguém menos perigoso do que lhe parece.
Mas enfim, excelência, o Antanogista acaba de revelar o que ontem já especulávamos. E que tão brilhantemente o Rodrigo Vianna antecipou neste texto. O senhor queria os aparelhos eletrônicos do Carlos Cairo para poder torturá-los e, a partir disso, fazê-los confessar conversas miúdas nossas, por um lado, e por outro para achar qualquer justificativa para condenar o Lula.
Não fazia sentido o senhor se arriscar tanto numa coercitiva com o Carlos Cairo apenas porque há um ano ele fez uma matéria que se confirmou real.
Durante este período vossa excelência não conseguiu reunir provas contra o ex-presidente da República a quem chama de nine, segundo dizem seus blogueiros amigos. E como não tem provas contra eles, usará uma não-prova, a tal obstrução da justiça, para tentar condená-lo. E ao mesmo tempo para se vingar do Carlos Cairo, seu conhecido desafeto.
Ontem um guri tutieiro, que também antecipou a condução coercitiva do Lula, já sinalizava isso. Hoje o pessoal que também não é jornalista, do Antagonista, confirma.
E eu lhe pergunto: Dr. Moro, é isso mesmo? Vossa excelência está achando que o povo vai engolir essa sua tese numa boa? Vossa excelência acredita que o Brasil é só Curitiba, a zona Oeste de São Paulo e Miami?
Enfim, estamos chegando ao fim. O senhor percebeu que o tempo lhe escorre pelas mãos e pelo jeito vai acelerar. E nós, pacientes passageiros deste ônibus chamado Brasil, estamos só de olho.
Com todo o respeito, excelência, tá ficando feio.

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply