Slider

Opinião

Política

Notícias

Economia

Esporte

» » » A senadora Kátia Abreu (PMDB-TO) diz que o impeachment da presidente Dilma foi comprado por R$ 50 bilhões

Agência Senado
Para a senadora Kátia Abreu (PMDB-TO), a autorização do Congresso Nacional do déficit de R$ 170,5 bilhões nas contas do governo interino de Michel Temer esconde um acordo que comprou o impeachment da presidenta Dilma Rousseff por R$ 50 bilhões.

Durante uma fala na Comissão de Impeachment, realizada há algumas semanas, a parlamentar lembrou que o déficit das contas públicas proposto pelo governo Dilma era de R$ 96 bilhões, valor profundamente criticado pela imprensa, deputados e senadores de oposição. Entretanto, após Temer assumir o Congresso aprovou, até que com facilidade, um teto ainda maior.

“Hoje estamos vendo uma fraude de R$ 170 bilhões…que R$ 50 bilhões foi para garantir o impeachment”, observou. A senadora, única integrante do PMDB que se manteve ao lado da presidenta afastada, afirmou ainda que as propostas de retomada do crescimento econômico do governo Dilma foram barradas pela atuação de Eduardo Cunha, a quem chamou de "escroque internacional". "“Estamos vivendo aqui uma farsa, o inadmissível (...) foram todos os partidos que mamaram, sugaram esse governo durante cinco anos e agora estão do outro lado da mesa (...) A presidente Dilma não é corrupta, é uma pessoa correta", reforçou. (Com o GGN)

Assista a seguir o trecho da fala de Kátia Abreu


«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply