Slider

Opinião

Política

Notícias

Economia

Esporte

» » » Ciro Gomes deixa a presidência da Transnordestina para evitar problemas com o pessoal do Michel Temer

O ex-ministro e ex-governador do Ceará Ciro Gomes anunciou na terça-feira, 17, que vai deixar a presidência da Transnordestina, empresa subsidiária da Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) responsável pelas obras da ferrovia no Nordeste. Ele estava no cargo desde fevereiro do ano passado.

Segundo a assessoria de imprensa de Ciro, ele deixa a empresa para evitar que “perseguições políticas” a sua posição contra o governo interino de Michel Temer “interfiram” no andamento da obra. O ex-ministro é um dos principais críticos do PMDB e de Temer, a quem já chamou de “capitão do golpe”.



«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply